6 mentiras publicadas na TV Revolta


O E-Farsas, portal especializado em desmascarar mentiras espalhadas na internet, publicou um útil apanhado de algumas das notícias falsas publicadas pela página TV Revolta.

Qualquer rápida observação na página verá um número imenso destas notícias "fakes" compartilhadas em grande número, se difundindo na rede com grande facilidade, ajudando a explicar um pouco do seu recente fenômeno de audiência.

Para além da necessária critica que se deve fazer as posições políticas da TV Revolta, marcada por um disfarçado antipetismo reacionário, sua existência não pode ser ignorada, ainda que também não deva ser superdimensionada.

Por entendermos as mentiras divulgadas por esta página extrapolam a política, trata-se de um serviço de utilidade pública esclarecer inverdades que espalharam-se pela rede.

Confira abaixo as publicações feitas pela TV Revolta (levantamento do e-farsas) que já foram provadas que são falsas:


1. O ministro da China dá dicas para o Brasil!
De acordo com uma postagem feita na TV Revolta no dia 15 de maio de 2014, o primeiro ministro da China Wen Jiabao teria dado algumas dicas à presidente Dilma quanto à gestão do país, em recente visita ao Brasil!
2. Travestis pedindo pro Ronaldo esquecer a Copa
A imagem abaixo mostra um trio de travestis segurando uma placa com os dizeres: “Ronaldo, esquece a Copa e volta pro nosso quarto!”

A foto real é essa abaixo, que foi tirada pelo fotógrafo Gilvan de Souza em outubro de 2010 (veja aqui), antes do jogo do Corinthians contra o Flamengo, no estádio do Engenhão (no Rio de Janeiro). Segundo o Lancenet, a brincadeira foi criada por um grupo de torcedores do Flamengo para tentar provocar o jogador, que na época jogava pelo Corinthians.



3. Desvalorização do Real ao longo dos anos 
Essa apareceu na TV Revolta no dia 07 de maio de 2014. Uma colagem de imagens mostrando um carrinho com compras que aparece cada vez mais vazio a cada período desde 1997 até 2014. Com esse “dados”, o autor dá a entender que o poder aquisitivo do trabalhador foi diminuindo de 1997 até os dias atuais.

No entanto, é bom lembrar que esses dados não estão corretos!
Se convertermos o salário mínimo em dólar, teremos o quadro abaixo (que surrupiamos do excelente Blog do Branquinho).

Note que, ao compararmos com o dólar, o salário mínimo parece ser o maior da história. Lógico que ele ainda está muito abaixo do ideal, mas ainda assim, muito melhor do que nos anos anteriores.
O gráfico abaixo foi elaborado pelo Dieese e mostra os aumentos constantes no salário mínimo desde 2002:



Além disso, precisamos lembrar que na época do Governo Itamar Franco (em 1994), o salário mínimo dava para comprar apenas uma cesta básica e hoje dá para comprar duas. Ainda não é muito, mas é o dobro.



A inflação de 1997 a 2013 chegou a 116% (uma média de 7% ao ano), enquanto que no mesmo período houve um aumento no salário mínimo de um pouco mais do que 500%. Uma média de aproximadamente 29,5% ao ano.

4. Bolsa Bandido 



Em postagens frequentes, a TV Revolta critica o Auxílio Reclusão ou o “bolsa bandido” (como é chamado o benefício na fanpage). De acordo com o que é divulgado por aí, o bandido teria direito a receber um salário enquanto está preso e essa mamata chega a dobrar de valor a cada filho a mais que o preso vir a ter.
Essa é uma das campeãs das notícias falsas da rede, como já explicamos nesse artigo, não funciona da maneira como é sugerida pelo TV Revolta. O Auxílio Reclusão foi instituído em 1960 e é um valor único mensal que a família do preso recebe (independente da quantidade de filhos do presidiário), desde que o recluso tenha contribuído previamente para a previdência.
Além disso, a cada três meses, os dependentes do preso devem se apresentar em uma Agência da Previdência Social para continuarem a receber o benefício.
5. A moda das calças surgiu entre os detentos gays

Essa é uma lenda que circula pela web desde 2008 e diz que a moda das calças caídas tem origem entre os homossexuais presos nas penitenciarias dos Estados Unidos. O texto afirma que andar com calças abaixo da cintura era um código entre os presos, avisando que aquele homem estava disponível para fazer sexo com outros presos.
Já foi mostrado no E-farsas há poucos dias atrás que as calças caídas surgiram, de fato, nos presídios dos Estados Unidos, mas os presos usam essas peças de roupas dessa maneira porque os cintos foram proibidos dentro das prisões!
6. Tossir durante um ataque do coração

Uma publicação feita na TV Revolta em 14 de março de 201, que ganhou mais de 500 mil compartilhamentos, fala sobre um procedimento que deve ser feito no caso de você estar tendo um ataque do coração. De acordo com o texto, quando você estiver sentindo que está tendo um ataque do coração, basta tossir vigorosamente para que o sangue fique circulando normalmente pelo corpo.
Esse procedimento não funciona! Desde 2003 os médicos não conseguiram provar a eficácia da tosse no momento de um ataque cardíaco. Essa história surgiu em 2003, depois que um grupo de médicos poloneses afirmaram que a tosse poderia fazer com que o sangue ficasse circulando pelo corpo do doente enquanto não chegar a ajuda. Na época, a BBC foi investigar essa história e concluiu que a manobra é inócua e que a tosse pode servir apenas como um placebo, como uma ajuda para manter o paciente consciente.
Conclusão
Muito cuidado ao compartilhar informações de páginas do Facebook. Algumas delas podem ser falsas e você estará ajudando a espalhar mais desinformação pela web!

Um comentário:

RLocatelli Digital disse...

"É preciso cuidado, inclusive, com textos da internet supostamente assinados por pessoas famosas. A maioria é totalmente falsa". Olavo Bilac